Pular para o conteúdo principal

QUANDO TUDO PARECE SE PERDER

E quando tudo deixa de fazer sentido e se transforma numa coisa louca?
E quando as expectativas começam a ser frustradas pela realidade iminente?
E quando o seu único desejo é se desfazer da mesma forma que os sonhos que um dia foram seus?
E quando dos seus olhos só saem lágrimas e da sua boca murmúrios abafados?
E quando seu peito dói e nada consegue parar essa dor?
E quando as pessoas parecem não se importar?
E quando você não consegue se importar o suficiente?
E quando tudo está dando errando?
E quando o espelho te mostra uma versão que não condiz com o ideal?
E quando tudo não é igual ou parecido com os planos de uma infância inteira?
E quando a vida não te dá escolhas ou quando pelo menos parece que não?
E quando parece que me perdi de mim?
E quando a solidão parece ser a única companhia, mesmo tendo amigos e namorado?
E quando a fé parece tão utópica quanto seu próprio conceito?
E quando o quando se torna nunca e o nunca se torna sempre e o sempre se torna vago?
E quando as perguntas parecem não ter fim e o seu cérebro cansa de tentar respondê-las?
O que fazer?
Gritar, chorar, espernear, fingir de morto?
Não, nada disso me serve, parece que a única resposta que posso dar a mim mesma é: não sei!
E não sei parece a mais louvável das respostas neste instante que escrevo essas palavras que para muitas pessoas são tão sem sentido quanto um menino de ponta cabeça tentando alcançar a lâmpada de um poste.
O que posso dizer ainda é que a vida nem sempre corresponderá aos seus sonhos de criança, que nem sempre as conquistas ou o amor te acompanharão!
E só o que posso desejar é que tudo não passe de uma tola mentira e que todos os sonhos da infância na verdade tornem-se realidade! E que tudo o que um dia foi meu pelo menos na imaginação volte e me faça a pessoa mais feliz deste mundo e de qualquer outro.

Aryana Santiago.

Comentários

  1. Tocou lá no fundo da minha alma, tbm me sinto assim insegura com o mundo e com as desições que tenho que tomar hoje e antes achava que ia ser tudo tao mais facil!

    ResponderExcluir
  2. Amei, por favor envie pra meu email. fatimamedeiros13@hotmail.com

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

TRAJES DAS SUPER-HEROÍNAS

Nesta onda de Os Vingadores, resolvi falar sobre as vestimentas das super-heroínas que foram transportadas dos quadrinhos e desenhos animados para as telas de cinema e como sei que as telinhas estarão repletas de super-heróis o ano inteiro, não custa nada julgar a favor ou contra as adaptações dos trajes femininos né! ATENÇÃO: Alto índice de látex!

COMO AS PARISIENSES SE VESTEM

Como as francesas se vestem? Ao contrário do que você pensa as francesas não se vestem como nos editoriais de moda, muito pelo contrário, a francesa não é do tipo escrava da moda, na verdade seu lema é basicamente "não ligo pra moda, tenho meu próprio estilo!" E isso é que as torna tão elegantes e as diferenciam do restante das mortais.  A francesa conhece seu corpo e por isso usa apenas o que lhe cai bem, o que lhe deixa confortável e a faz sentir-se bonita, ela não compra roupas, investe! Exatamente, não é do feitio da francesa, principalmente a que mora em Paris, comprar roupas que só vai usar por uma temporada, ela investe em peças atemporais e o que as faz ficar na moda?Os acessórios! Como vocês bem sabem não há acessório que não faça aquela roupa mixuruca e batidinha se renovar! Então vamos lá, o que não pode faltar no guarda-roupa da parisiense?

Item nº 1. Camisa Branca
Acredito que isso não falte no guarda roupa de qualquer garota, independente da nacionalidade, camis…

GUIA BÁSICO PARA FALAR FRANCÊS

Ainda não conheci nenhuma garota que me dissesse que não tem vontade de ir à França, especificamente à Paris, a cidade tem uma magia, algo que encanta  e inspira  a todos!
Ao contrário de outras culturas norte-americanao brasileiro gosta de se comunicar e aprender novos idiomas, gostamos de facilitar a comunicação com os outros povos, é uma característica bem nossa.
Então você que pretende nas férias dar um pulinho naFrança ou em países que falem o idioma, mas não entrou num cursinho de francês, fique de olho nas dicas de conversação básica abaixo: